TAG: De tudo um pouco / Novidades no blog

29 de agosto de 2015
Oi amores, tudo bem?

Fui indicada na tag “De tudo um pouco”! Fiquei bem feliz, é a primeira vez que participo de uma tag :D



Pra quem não sabe, as tags são tipo uma brincadeira entre blogueiros e youtubers que funciona mais ou menos assim: alguma pessoa nos indica, nós respondemos a tag seguindo algumas regrinhas, e indicamos outras pessoas pra responder também. Quem me indicou foi o blog Alta Sem Salto, da Adriane Modesto. Façam uma visitinha lá, o conteúdo é muito legal. E agora, vamos às respostas!

Regras:

  • Responder todas as perguntas;
  • Indicar no mínimo 11 blogs com menos de 500 seguidores;
  • Colocar o selo da tag;
  • Colocar o link de quem te indicou;
  • Seguir o blog de quem te indicou.


Perguntinhas:

Qual o seu estilo musical preferido?
Pop internacional.

Qual peça de roupa é a sua queridinha do momento?
Uma camisa xadrez verde e azul que eu amo loucamente.

Quais dos seus esmaltes são mais divos, marca e cor?
Viúva Negra da Risqué, preto com glitter vermelho.

Shorts ou saia, e por quê?
Saia, acho que dependendo do modelo dá um toque mais delicado no visual.

Cabelo liso ou cacheado?
Cacheado.

Salto ou sapatilha?
SAPATILHA FOREVER!!

Brigadeiro ou sorvete?
Sorvete de brigadeiro.

Doce ou salgado?
Salgado.

Como você define seu estilo?
Meu estilo é completamente indefinido haha!

Você é um tipo de mulher consumidora ou só compra o básico?
Só não sou mais consumidora porque meu orçamento não permite.

Você se considera vaidosa?
Mais ou menos.

Blogs que indico são:


E aí, gostaram dessa postagem diferente? Contem pra mim nos comentários o que vocês acharam! E blogueiros, me mandem suas respostas, tô curiosa pra ver todas! Beijos e...

Peraí, ainda não acabou!


Tenho ótimas novidades pra vocês!




  • No mês de setembro o blog vai bombar! Tô participando do PEDS, um projeto superlegal de blogagem coletiva, e adivinhem: vai ter post todo dia!!!! Isso mesmo, todo dia!!!! Então fiquem ligados no blog e no twitter pra não perder nadinha do que vai rolar!


Agora sim, beijos e até a próxima! :*



Bienal do Livro: eu vou, e você?

22 de agosto de 2015
Oi amores, tudo bem?

Está chegando o evento mais esperado pelos profissionais e amantes dos livros: a Bienal do Livro Rio 2015!!! 11 dias de muita cultura, informação, diversão, e... muitos livros!!!!!!


Segundo os organizadores, “a Bienal do Livro Rio é o maior evento literário do país, um grande encontro que tem o livro como astro principal. Para o leitor, é a oportunidade de aproximação dos seus autores favoritos e de conhecer muitos outros. Durante onze dias, o Riocentro sedia a festa da cultura, da literatura e da educação”.

Só estou um pouco chateada porque não vou poder me credenciar como bibliotecária, já que meu diploma ainda não saiu, e só Deus sabe quando vai sair... Mas mesmo assim eu vou, não posso perder esse evento mega master blaster fantástico, ainda mais agora que sou blogueira e estou sempre em busca do melhor conteúdo pra vocês ;)

E falando em melhor conteúdo, que tal alguns motivos pra vocês também não perderem a Bienal, hein?

Livros de todos os tipos – na Bienal, dá pra encontrar livros religiosos, escolares, universitários, best-sellers, literatura brasileira e estrangeira, revistas, pôsteres, quadrinhos... são inúmeras opções pra quem está buscando desde diversão até atualização profissional.

Diversidade de estandes – a gente também também encontra os estandes mais variados, espalhados pelos pavilhões. Vale a pena circular por eles, vocês podem encontrar algum que ofereça livros com desconto, ou algum sorteio bacana.

Espaços para debates – uma característica que eu acho muito legal na Bienal é que não é só um evento para vender livros. Lá dentro, acontecem mini-eventos, como atividades culturais e debates sobre diversos temas, com personalidades nacionais e internacionais.

Sessão de autógrafos – muitos autores, além de participar dos debates, ainda distribuem autógrafos. E se você gosta de youtubers, a Kéfera e o Christian Figueiredo estarão lançando seus livros! Segundo o portal Chris Fig Info no Twitter, o Chris está confirmado para os dias 4 e 6 de setembro. Já a Kéfera está confirmada para o dia 8, segundo o site Burn Book.
ATUALIZAÇÃO: o Christian Figueiredo estará na Bienal nos dias 4 e 7 de setembro.

Comida – circular pelos pavilhões com certeza vai dar fome! Sem problemas, vocês também vão encontrar restaurantes, quiosques e foodtrucks pra repor as energias de forma bem saborosa :D


E aí, se animaram? Espero que sim! A Bienal do Livro vai acontecer de 3 a 13 de setembro, no Riocentro (Av. Salvador Allende, 6555 – Barra da Tijuca – 22780-160 – Rio de Janeiro – RJ). Pra maiores informações, cliquem aqui pra acessar o site do evento. E se vocês gostaram do post e querem dar sua opinião ou pedir pra eu mostrar alguma coisa legal da Bienal pra vocês quando eu for, sintam-se à vontade para comentar. Não se esqueçam também de compartilhar esse post com seus amigos e familiares amantes de livros! Beijos e até a próxima!

5 dicas pra quem ainda não escolheu uma faculdade

15 de agosto de 2015
Oi amores, tudo bem?

É, o Enem tá chegando, e junto com a tensão da prova, vem a tensão da escolha da faculdade. Algumas pessoas já sabem o que querem fazer desde novinhas, outras não tem a mínima ideia de qual carreira seguir. Eu passei pelas duas situações. Quando era pequena, tinha certeza absoluta de que queria ser médica. Já no ensino médio, mudei de ideia várias vezes, até optar por Artes Cênicas. Acabei “desistindo” da ideia por não ter tido muito apoio da família, então, terminei os estudos e aguardei a nota do Enem com um dilema na cabeça: “o que vou fazer da minha vida?”.


Quando a nota saiu, escolhi dois cursos que não tinham quase nada a ver comigo: História e Biblioteconomia. Passei pra Biblioteconomia – ou melhor, caí de para-quedas – e levei o curso até o fim. Pensei em desistir milhões de vezes, mas graças a Deus descobri muitas coisas legais que me motivaram a continuar – inclusive que posso trabalhar com arte, coisa que eu amo demais. Hoje, posso dizer que amo ser bibliotecária, mas nem todo mundo que passa por uma situação do tipo tem esse final feliz. Pensando nisso, trouxe pra vocês 5 coisinhas que aprendi com essa minha experiência:

1. Use suas habilidades a seu favor. Você é bom em matemática? Sabe desenhar incrivelmente bem? Entende de culinária? Aquilo que você sabe fazer de melhor, dentro e fora da escola, pode ajudar muito na escolha.

2. Não tenha pressa. Se desejar, depois que concluir o ensino médio, tire um ano para pensar, fazer algum curso... só não deixe de estudar, para não esquecer os conteúdos que caem nos vestibulares.

3. Não escolha uma determinada faculdade só porque seus pais te pressionam. Nossos pais nos amam e querem o melhor pra nós, porém chega um momento em que nós temos que fazer nossas próprias escolhas.

4. Se informe bastante. Procure testes vocacionais, pesquise sobre as profissões de seu interesse na internet, sites como o Guia do Estudante são ótimos pra isso. Conversar com alguns profissionais que você conhece também pode ajudar bastante.

5. Não pense somente no dinheiro. Claro que o dinheiro é mega master blaster importante, mas escolher uma profissão só por causa de salários altos, ao contrário do que alguns pensam, não vai trazer felicidade.

Gostaram do post de hoje? Querem deixar outras dicas? Fiquem à vontade para comentar! E lembrem-se de compartilhar nas redes sociais, nesse momento pode ter algum amigo seu precisando de uma ajudinha pra decidir qual faculdade cursar. Beijos e até a próxima!

Depender dos outros é bom ou ruim?

1 de agosto de 2015
Oi, amores! Tudo bem?
Frequentemente, vejo as pessoas dizerem que depender dos outros é a pior coisa que existe. Eu mesma já fui tomada por esse pensamento algumas vezes. Mas gente, será que depender de outras pessoas é tão ruim assim?
A resposta é... SIIIIIIIIIIIM!!!!!!!!!!
Mas vamos com calma aí. Antes de qualquer coisa, quero deixar claro que aqui não estou falando sobre depender dos outros pra alcançar uma meta, realizar um sonho... esse assunto a gente deixa mais pra frente. Nesse momento eu quero falar sobre precisar da ajuda de outras pessoas para resolver questões relacionadas a estudo, trabalho, até mesmo problemas mais sérios.
É chato pra caramba depender dos outros, eu sei, mas às vezes é a única saída que temos pra resolver algum problema. A coisa fica feia quando passamos pelas seguintes situações:
1. Passar a depender das pessoas pra fazer coisas que normalmente faríamos sozinhos, o que acontece geralmente em casos de doença ou problemas financeiros.
2. Lidar com pessoas que te vão te ajudar de má vontade ou por interesse – isso SE ajudarem!
3. Quando a pessoa joga na sua cara alguma coisa que fez por você. Gente, isso não é coisa que se faça!
A má notícia é que independência total, plena, 100%, não existe. Bom, até existiria... se você fosse o único habitante de uma ilha deserta (aí você não ia mais depender de pessoas, mas ia depender da natureza, ou seja, nada de independência!). A boa notícia é que é que podemos evitar – ou amenizar – situações desagradáveis. Como?
Se você precisa da ajuda de alguém, tenha gratidão. Valorize quem te ajuda. Pode ser a pessoa mais chata do mundo, mas se tá ali te ajudando, dê valor.
E se alguém precisa de você, ajude sem esperar nada em troca. Não faça as coisas por interesse, ou obrigação. E não jogue na cara de ninguém, por favor! Se for ajudar alguém, que seja de coração aberto!

Esse tema foi uma sugestão do meu amigo Michel de Almeida. Se você gostou, discordou de algo que eu disse, deixe sua opinião nos comentários. Sugestões de temas também são bem-vindas! Beijos e até a próxima!