TAG: Perguntas literárias

29 de janeiro de 2016
Oi amores, tudo bem?

Hoje eu tô com uma tag ótima pros amantes de livros!! Se chama Perguntas Literárias, e quem me indicou foi a Thamy, do blog IlustraPyxis. Espero que vocês gostem! E não se esqueçam de visitar o blog da Thamy hein!


1 - A capa mais bonita da sua estante. A Culpa É das Estrelas *----*

2 - Se pudesse trazer um personagem da ficção para a realidade, qual seria? A Edwiges do Harry Potter, porque corujas são fofinhas haha!

3 - Se pudesse entrevistar um(a) autor(a), qual seria? Agatha Christie! Ô mulher lacradora, só tem livro fantástico!!

4 - Um livro que você não leria de novo? Por quê? A Cabana. Não sei... tava esperando um livro super emocionante, várias pessoas conhecidas me disseram que a história era muito linda, que choraram e tals, mas eu não achei lá isso tudo não. A história é até bonita, mas eu não me identifiquei.

5 - Uma história confusa? Não é beeem uma história... é o livro da Kéfera. Eu gostei muito, fiz até resenha aqui no blog. Mas em alguns momentos meu cérebro dava pane, porque a Kéfera falava de algo sobre a infância dela, depois pulava pra adolescência, depois voltava pra infância, depois falava alguma parada nada a ver...

6 - Um casal? Simão Botelho e Teresa de Albuquerque, do livro Amor de Perdição.

7 - Dois vilões (pode ser tanto 2 vilões que goste, como não goste). Desculpa, gente, só consegui pensar em uma! Eu DE-TES-TO a Sian, de Rose Rouge e a Mágica de Marshmallow, por causa do bullying horrível que ela faz com a protagonista do livro. 

8 -  Um personagem que você mataria (ou tiraria do livro). Eu tiraria a Monica, (ex)namorada do Isaac de A Culpa É das Estrelas. Que garota desnecessária, largou o coitado do menino só porque ele perdeu a visão!

9 - Se pudesse viver em um livro, qual seria? Ahhh... se eu pudesse, viveria nos livrinhos infantis, só pra voltar a ser criança...

10 - Qual o maior e menor livro da sua estante? O maior livro... eu acho que é o Catecismo da Igreja Católica. Sério, ele é quase do tamanho de um tijolo! E o menor que eu tenho é um livro sobre milagres eucarísticos <3

Os blogs lindos maravilhosos que eu vou indicar nessa tag são esses:

Somos todos poeira estelar - por Dany Araujo
Izabella Cordeiro / Blog - por Izabella Cordeiro
Sonho Passageiro - por Yasmin Vieira
Mareland - por Mariana Affonso
Crise dos Vinte - por Janeise Silva
Across The Dream - por Thais Silva

E aí, gostaram dessa tag? Espero que sim! Me contem aí nos comentários o que acharam, e como vocês responderiam essas perguntas! Beijos e até a próxima!

Vamos falar de Biblioteconomia? #AnaPaulaResponde

23 de janeiro de 2016
Oi amores, tudo bem?

Há uns dias eu tive a ideia de pedir à galera que me acompanha nas redes sociais que me mandassem perguntas sobre Biblioteconomia pra eu responder aqui... e não é que a ideia deu certo? E agora vou responder às dúvidas que o pessoal me mandou no twitter e no instagram!


Sonho Silenciosos (@sonhossilencios) perguntou: Me conte como é o curso e o que você achou dele! Quanto uma bibliotecária ganha?
O curso é um pouquinho cansativo, porque tem muuuuuito conteúdo que a gente precisa absorver. Fora isso, é bem legal. Além dos principais elementos da Biblioteconomia, como classificação, catalogação, atendimento aos usuários, etc, a gente aprende noções de história, estatística (tá, essa parte não é tão legal), administração, psicologia, e muito mais!

O piso salarial tá por volta dos R$2.500, mas os salários variam de instituição pra instituição, e em algumas os valores podem ser bem altos. Bem altos mesmo. Entre 2012 e 2014 eu fiz alguns concursos, pra testar meus conhecimentos, e num deles o salário inicial era R$9 mil (uau, nove fucking mil reais). E alguns lugares ainda pagam bem mais que isso, hein!

Thamires Oliveira (@ThamiisOliveira) perguntou: Onde você cursou? Qual foi seu tema de TCC? Fale um pouco sobre estágios e sobre seu trabalho depois de formada.
Eu cursei na Unirio (e por sinal é o primeiro curso de Biblioteconomia do Brasil, uhul!), e o tema do meu TCC foi "Organizaçao e representação do conhecimento em religiões não cristãs na Classificação Bibliográfica de Bliss". Eita nome gigante hahahaha! É sobre a representação das religiões não cristãs em um dos vários esquemas de classificação utilizados em bibliotecas, quem quiser dar uma espiadinha pra entender melhor é só clicar aqui.

Sobre os estágios, infelizmente nem todos pagam bem (inclusive tem aqueles que não pagam nadinha), mas a gente aprende MUITO com eles. Aprendi a praticar muitas coisas de uma das matérias antes mesmo de cursá-la. E sobre trabalho... não posso falar muito porque ainda não estou trabalhando :( 

Katielly Costa (@blogkati) perguntou: Você pode trabalhar com o quê? E o que levou a essa escolha? E qual matéria da faculdade achou mais complicada?
Eu posso trabalhar com administração de bibliotecas, atendimento aos usuários, normalização de trabalhos acadêmicos, conservação de livros raros, muita coisa!! E os locais variam também: escolas, universidades, museus, hospitais, empresas públicas ou privadas, projetos culturais,qualquer lugar onde tiver conhecimento registrado - não só livros, mas também documentos, revistas, DVDs, all this!

Bem... o que eu queria na verdade era cursar Artes Cênicas, mas como eu não tinha muito apoio em casa, busquei outra faculdade pra minha mãe largar do meu pé e escolhi Biblio por recomendação de uma amiga que fez o Enem comigo e também ia cursar Biblio. Aí acabei gostando do curso e segui até o final :)

A matéria mais complicada pra mim, sem dúvida, foi Teoria do Conhecimento. Essa disciplina é um dos ramos da Filosofia, e de Filosofia eu não entendo praticamente nadaaa, eu tento entender mas o conteúdo não entra na minha cabeça! Se juntar Kant e Nietszche então, aí é que embola meu cérebro de vez!! Foi bem difícil... mas graças a Deus eu consegui passar.

O Pequeno Caminho (@opequenocaminho) perguntou: Gostaria de saber qual o melhor livo para Introdução à Biblioteconomia.
Depois de pesquisar bastante, não há mais dúvidas: o melhor livro é o Introdução à Biblioteconomia (sinopse e detalhes vocês encontram aqui), escrito por Edson Nery da Fonseca, um dos nomes mais importantes da Biblioteconomia brasileira!


E aí, meus amores, o que acharam do post de hoje? Gostariam de ver esse formato de post mais vezes aqui no blog, ou talvez em vídeo? Me contem aqui nos comentários! E se alguém tiver mais alguma pergunta pra fazer sobre Biblioteconomia, pode me mandar que eu respondo com muito carinho! Beijos e até a próxima!

O que tem na faculdade que não tem na escola?

11 de janeiro de 2016
Oi amores, tudo bem?

Com certeza, no meio dessa galerinha linda que  acompanha o blog, tem alguém que que vai começar a faculdade daqui a um tempinho, ou até mesmo esse ano. E que a faculdade é beeeeem diferente da escola, isso a maioria sabe; mas quais são essas diferenças? Elas são boas ou ruins?


Bom, o período da minha graduação, apesar de sofrido (e bem irritante), teve seus momentos legais, e contribuiu muito pro meu amadurecimento. Até o ensino médio eu era bem "infantil" e e dependia dos outros pra quase tudo. Agora sinto que, mesmo não perdendo 100% meu jeito de menininha, sou adulta quando preciso ser, e aprendi a me virar sozinha!

Já de cara, encontrei bastante diferença: estudar suuuuuuuper longe de casa, acordar de madrugada pra pegar 2 ônibus, o comportamento das pessoas, a rotina de estudo... foi um choque de realidade, mas com o tempo a gente acostuma!

Trote: sei que algumas escolas realizam, mas é na faculdade que o trote está mais presente. É uma forma um tanto estranha de os veteranos (alunos antigos) recepcionarem os calouros (alunos novos). Algumas brincadeiras são legais, eu confesso que amei ser pintada com tinta guache quando fui caloura e amei pintar os calouros quando virei veterana. Mas se vocês perceberem que os veteranos estão pegando pesado, ou se quiserem obrigá-los afazer algo que vocês não queiram, por mais bobo que seja, não participem e nem se importem se ficarem zoando vocês

**Alguns veteranos promovem trotes solidários, com atividades como arrecadação de donativos para instituições beneficentes e doação de sangue, essa é uma iniciativa que eu acho muito legal e super recomendo vocês participarem!

Liberdade: faculdade não tem uniforme (aeehooooooo!), não precisa pedir permissão pra sair de sala, a gente monta nossa grade de horário, e tem alguns (alguns hein, não são todos!) que não fazem chamada nas aulas e só aplicam trabalho em vez de prova. Mas não abusem: se querem boas notas e oportunidades para crescer na vida, apreciem essa liberdade com moderação. A graduação requer muita dedicação e responsabilidade!

Disciplinas obrigatórias X disciplinas optativas: na faculdade, além das disciplinas fixas estabelecidas na grade curricular, existem as chamadas disciplinas optativas, que complementam a formação profissional. São obrigatórias, também, mas a diferença é que podemos escolher quais vamos cursar. Por exemplo: estou na faculdade X e preciso cursar 4 disciplinas optativas. A faculdade oferece 20 disciplinas optativas; dessas 20, eu escolho as 4 com as quais eu me identifico e que vão ser um diferencial na carreira que quero seguir.

Estágios: é no estágio que a gente coloca em prática tudo aquilo que aprendemos nas disciplinas. Tem o estágio não obrigatório, que o estudante faz por opção (e também pra garantir um dindim porque haja dinheiro pra comida e xerox), e o estágio obrigatório, que vale nota

Atividades complementares: no meio do caminho, vocês vão se deparar com muitos eventos, tanto pra estudantes quanto pra profissionais, relacionados à área que vocês escolheram. A participação nesses eventos, além de ser requisito pra vocês se formarem, também é ótima pra adquirir conhecimentos que vão além da sala de aula!

Trabalho de conclusão de curso: o famoso TCC, temido por uns, amado por outros (poucos)! Como o nome já diz, é um trabalho (sinistro) que fazemos o final da faculdade e que, ao meu ver, serve pra mostrarmos que já estamos prontos pra exercer a profissão que escolhemos, ou pra pesquisar mais a fundo sobre ela (caso o objetivo do universitário seja ingressar imediatamente no mestrado, um bom TCC pode ajudar, e muito). Mas essa é uma preocupação que vocês não precisam ter agora. Comecem a pensar nisso a partir do 2º ano de faculdade, que é quando vocês provavelmente já vão conhecer melhor o curso, os professores e as áreas de mais afinidade.

E aí, curtiram o post? Se vocês quiserem que eu explique cada parte detalhadamente, ou que eu faça uma parte 2 desse post, ou as duas coisas, me digam aí nos comentários, ok? E galera do Enem, fiquem atentos aos prazos do Sisu, Proni e Fies, e pensem e pesquisem bastante e com muita sabedoria antes de escolher o curso e a instituição! Beijos e até a próxima!

Assisti e amei: Star Wars - O Despertar da Força

8 de janeiro de 2016
Oi amores, tudo bem?

Como estão sendo as férias de vocês: agitadas, um tédio ou não tem férias? Se a resposta for qualquer uma das 3, recomendo uma dose de cinema, "temperada" com muita aventura. Sim, meus queridos, estou falando do filme do momento: Star Wars!!



Sinopse (fonte: AdoroCinema)


Décadas após a queda de Darth Vader e do Império, surge uma nova ameaça: a Primeira Ordem, uma organização sombria que busca minar o poder da República e que tem Kylo Ren (Adam Driver), o General Hux (Domhnall Gleeson) e o Líder Supremo Snoke (Andy Serkis) como principais expoentes. Eles conseguem capturar Poe Dameron (Oscar Isaac), um dos principais pilotos da Resistência, que antes de ser preso envia através do pequeno robô BB-8 o mapa de onde vive o mitológico Luke Skywalker (Mark Hamill). Ao fugir pelo deserto, BB-8 encontra a jovem Rey (Daisy Ridley), que vive sozinha catando destroços de naves antigas. Paralelamente, Poe recebe a ajuda de Finn (John Boyega), um stormtrooper que decide abandonar o posto repentinamente. Juntos, eles escapam do domínio da Primeira Ordem.

Trailer




O que eu achei do filme?


Ok, eu confesso: antes eu achava os filmes de Star Wars a coisa mais chata do mundo. Sempre que passava algum no SBT, bem que eu tentava, mas não tinha paciência pra assistir. Não me perguntem o porquê, porque nem eu sei direito! Mas de uma coisa eu sei: todo esse preconceito que eu tinha caiu por terra depois de O Despertar da Força.

Aceitei assistir mais pra fazer companhia pra minha prima que tá passando uns dias aqui em casa, e entrei no cinema achando que não ia entender nada e ia morrer de tédio, mas foi exatamente o contrário. O filme é bem explicado, então dá pra  entender mesmo não tendo acompanhado os outros episódios da saga. E tédio é uma coisa impossível de acontecer no meio de tanta nave e tantas batalhas!

Óbvio que, por não estar por dentro de todos os filmes, eu paguei um mico básico, né (senão, não seria eu kkkk)! Perguntei pra minha prima onde estava o Darth Vader (ele, a Princesa Leia e o Luke eram os únicos que eu conhecia mais ou menos), daí ela me disse "prima, o Darth Vader já morreu"! E eu fiquei tipo "como assim, eu vim aqui esperando ver o Darth Vader"!!! Fiz papel de trouxa legal kkkkkkkk! Mas em breve vou fazer uma maratona Star Wars aqui pra entender melhor a história inteira :)

Pra finalizar: eu achei o robozinho BB-8 muito, MUUUUITO lindinho, deu vontade de levar pra casa! Quanto a Rey e Finn... formam um casal bonitinho, pelo menos na minha opinião! E Kylo Ren é o vilão mais sujo que já vi na vida. Sem spoilers, se vocês assistirem, vão me entender.

Quem aí já assistiu? Me digam nos comentários o que acharam! Quem quiser dar sugestões de outros filmes legais pra assistir nas férias, fica à vontade! Bora trocar umas ideias haha :D Beijos e até a próxima!

4 tutoriais para dar um up no seu blog

4 de janeiro de 2016
Oi amores, tudo bem? Feliz 2016!! Como foi a virada do ano pra vocês? Espero que tenha sido ótima! 

Aqui foi muito legal, mas no meio da correria eu dei uma de maluca e mudei o blog TODOOOO, e finalmente tá do jeitinho que eu queria! Não que eu não gostasse do visual anterior, mas é que agora tá uma coisa mais clean.

E o que eu tenho pra vocês hoje? Justamente os links com os tutoriais mais tops que eu usei nessa mudança toda! Então, se você quer fazer como eu e começar 2016 com um blog lindo, maravilhoso, e com funcionalidades que vão facilitar a sua vida e a vida dos leitores, esse post é pra você!


Menu fixo no topo do blog


Esse eu encontrei no blog Butlariz, e é o único em que é necessário mexer diretamente no html do blog, Mas é coisa bem simples, e a Larissa explica tudo direitinho, que é pra não ter erro!

Postagens recentes em caixinhas


Esse é supersimples!! A Gleicy, do blog Teens Forever, trouxe esse tutorial lá do blog da Janaina Ponderon, e eu particularmente amei. Foi por causa dele que me deu vontade de repaginar meu cantinho hahaha!

Perfil com foto, descrição e redes sociais do(a) blogueiro(a)


Aqui, a Karol do blog Follow Your Dreams, minha diva dos tutoriais e freebies, ensina como colocar nosso perfil na sidebar, com direito a foto (arredondada e quadradinha) e ícones de redes sociais. E falando nos ícones, é só fuçar o blog dela pra encontrar vários modelos fofinhos!

Categorias em formato de ícones


A Mariana e a Fernanda, do blog Coisinhas aleatórias, além de ensinarem como colocar os ícones de categorias, ainda disponibilizaram freebies superfofinhos em 4 cores diferentes. Eu tô usando os de cor lilás, minha cor favorita EVER! Mas também tem azul, rosa e verde!


E aí, gostaram do nosso 1º post do ano? É o primeiro de muitos: a galera votou na pesquisa de público, e agora teremos postagens 3 vezes na semana! Tirando os posts especiais, todas as atualizações serão às segundas, quartas e sextas. Fiquem atentos à fanpage, qualquer outra novidade que rolar eu aviso por lá!

Se vocês se interessaram pelos tutoriais, é só clicar nos links pra acessar. Aproveitem também pra ver os outros posts das meninas, elas tem um conteúdo muuuito legal! E depois não se esqueçam de vir aqui nos comentários me dizer o que acharam, ok?

Ah, antes que eu me esqueça: esse template novo eu baixei lá no blog Dezoito Primaveras, da Michelly Melo. Além de ser lindo e maravilhoso, ele é responsivo, ou seja, se adapta a qualquer tela. Isso significa que quem acessa o blog por celular ou tablet vai ter uma melhor visualização, olha que legal! Eu super recomendo o trabalho da Michelly, se vocês quiserem layout novo e responsivo, é só dar um pulinho lá no blog dela e entrar em contato!

Beijos e até a próxima!